sexta-feira, 12 de abril, 2024

Logo Jornal Folha do Araguaia

Mais de 300 mil eleitores em Mato Grosso estão com títulos cancelados

Prazo de solicitações que demandem alterações no cadastro eleitoral também termina no dia 4 de maio
Por O DOCUMENTO
| Atualizado em 05/04/2022 às 13h43

Faltando um mês para o fechamento do cadastro eleitoral, o estado de Mato Grosso contabiliza 312.287 títulos cancelados. O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) ressalta a importância de os eleitores regularizarem a situação e ficarem aptos a participarem das Eleições 2022.

O cancelamento do título pode ocorrer por ausência às três últimas eleições ou por ausência à revisão biométrica. Mesmo sem a coleta da biometria, que continua suspensa pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o eleitor consegue regularizar o título normalmente.

Além disso, o prazo final de 4 de maio também vale para aqueles que precisarem fazer o alistamento (primeiro título), transferir o domicílio eleitoral, entre outras solicitações que demandem alterações no cadastro.  Os atendimentos podem ser feitos pelo site do TRE-MT, ou presencialmente, nos Cartórios Eleitorais, além dos postos de atendimento nas unidades do Ganha Tempo do estado.

O presidente do TRE-MT, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, ressalta a importância de regularizar a situação o quanto antes. “Nossa orientação é de que as pessoas não deixem para a última hora, para evitar transtornos e aglomerações nos postos de atendimento. A democracia só é plena com a participação de todos”.

PUBLICIDADE

No data was found