sexta-feira, 12 de abril, 2024

Logo Jornal Folha do Araguaia

Publicidade

Período da proibição de pescado, a Piracema, começa nesta segunda (2/10)

Por Araguaia Notícia com G1 MT
02/10/2023 às 09h55
| Atualizado em 02/10/2023 às 09h59
2023100209591574be16979710d4c4e7c664785608845646488009099979802
Confluência dos rios Garças e Araguaia em Barra do Garças-MT. Foto: Ultramacho

A proibição da pesca nos rios de Mato Grosso começa a valer a partir desta segunda-feira (2). A piracema segue até dia 1º de fevereiro de 2024 e serve como uma medida para preservar as espécies de peixes, que estão em fase de reprodução.

No estado, são mais de 9.500 pescadores com licença para pesca ativa. A maioria da categoria está preocupada porque, no próximo ano, entra em vigor a lei da Cota Zero, proposta pelo governo estadual e aprovada pela Assembleia Legislativa.

O Conselho Estadual de Pesca (Cepesca) decidiu manter o mesmo período dos últimos anos em todas as bacias hidrográficas do estado. Nas unidade de conservação da categoria de proteção integral, a atividade é proibida durante o ano todo.

Piracema

Piracema significa “a subida dos peixes”. É um período em que os cardumes nadam contra a correnteza, para realizar a desova. Atualmente, Mato Grosso abriga 68 áreas protegidas sob jurisdição da União, do Estado e dos municípios, segundo a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema).

Exemplo das áreas protegidas são o Rio Paraguai ou Juruena, no qual possuem trechos em que passam por essas regiões de proteção. No caso do Juruena, há restrição no trecho que corta o Parque Nacional do Juruena e o Parque Estadual Igarapés do Juruena.

Já para o Rio Paraguai, o pescador deve estar atento às áreas do Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense e do Parque Estadual do Guirá. E se a intenção for pescar no rio das Mortes, fica proibida a prática da pesca no trecho do curso d’água que cruza o Refúgio da Vida Silvestre Quelônios do Araguaia.

As unidades de conservação da categoria proteção integral visam a proteção da biodiversidade e por isso as regras são mais restritivas. Nesse grupo é permitido apenas o uso indireto dos recursos naturais, ou seja, aquele que não envolve consumo, coleta ou danos aos recursos naturais. Segundo a Sema, os usos indiretos são os recursos naturais que podem ter a recreação em contato com a natureza, turismo ecológico, pesquisa científica, educação e interpretação ambiental.

Publicidade

Destaques

Outras Notícias
Avião cai em fazenda de MT e piloto morre preso a destroços
Canarana MT
Prefeitura de Canarana-MT Recebe Prêmio Prefeitura Empreendedora do SEBRAE por Sustentabilidade e Meio Ambiente.
Outras Notícias
Sicoob Primavera recebe prêmio de Destaque nacional pelas ações desenvolvidas com a comunidade
Política
Asfalto na MT-430 vai beneficiar diretamente região do Araguaia, “mas avanços estão acontecendo em todas as regiões”, afirma deputado federal
Polícia
PF investiga fraudes na aplicação de recursos federais em Barra do Garças
Polícia
Polícia Civil cumpre mandados judiciais e interdita lojas de venda de veículos

Publicidade

Notícias Relacionadas

10045314_Screenshot

Destaque

PF investiga fraudes na aplicação de recursos federais em Barra do Garças

10/04/24 12:07
POLICIA_CIVIL_VIATURA

Destaque

Polícia Civil cumpre mandados judiciais e interdita lojas de venda de veículos

10/04/24 12:01
09042112_0527fa5c5e

Destaque

Homem é achado morto com toalha na boca e mãos e pés amarrados em imóvel

09/04/24 16:48