segunda-feira, 15 de abril, 2024

Logo Jornal Folha do Araguaia

Vereador de Querência, que sacou arma em sessão, entra com pedido de afastamento para evitar cassação de mandato

..
Por InterativaFM/ARAGUAIA NOTÍCIA
| Atualizado em 06/04/2022 às 10h51

O vereador Neiriberto Martins (PSC), através de sua defesa, entrou com o pedido de afastamento da Câmara Municipal de Querência por 60 dias, após apresentar atestado médico de esquizofrenia e continuará recebendo salário integral. O laudo foi assinado na sexta-feira (1/4).

De acordo com o documento médico, assinado por um psiquiatra, o vereador precisa ficar afastado por 60 dias, contando a partir do dia 1 de abril. Ele foi atestado seguindo o CID 10: F.20.0, termo da medicina para esquizofrenia paranoide.

Com esse documento, o vereador está tentando evitar a cassação do mandato após sacar de arma e apontar para outro vereador durante sessão. Neiriberto chegou a ficar preso devido a esse fato lamentável. 

E na segunda-feira (4/4) entrou também dois requerimentos que pedem a investigação dos vereadores Neiriberto Martins (PSC) e Edmar Batista (PDT) foram aprovados por unanimidade entre todos os parlamentares na sessão desta segunda-feira (04) com hipótese de cassar ambos.

Após a aprovação, foi formado a Comissão Processante que terá o prazo de até 90 dias para apresentar o relatório final podendo; punir, arquivar ou cassar o mandato dos envolvidos no episódio. Em entrevista, o presidente da Câmara, vereador Telmo Brito (PDT) salienta que não é necessário que o resultado final seja o mesmo para ambos os investigados.

Através de um sorteio, a Comissão Processante fica a cargo dos vereadores; Jean do Coutinho (PSDB) – Presidente, Rozaine Presença (PDT) – Relatora e Adeal Carneiro (DEM) – Membro. Vale lembrar que a comissão pode apresentar o respectivo relatório antes dos 90 dias ou até mesmo pedir a prorrogação por mais 90 dias.

Tanto o vereador Neiriberto Martins quanto o vereador Edmar Batista não poderão participar das votações relacionadas ao processo em que estão envolvidos. 

Outro requerimento também em pauta na sessão desta segunda-feira (04) foi enviado pelo Deputado Estadual Ulysses Moraes (PSL), onde pede a investigação por quebra de decoro parlamentar pelo vereador Neiriberto Martins (PSC).

PUBLICIDADE

No data was found