segunda-feira, 15 de abril, 2024

Logo Jornal Folha do Araguaia

Publicidade

Bandido que matou mulher e filhos a marretadas é achado morto em cela

José Ronaldo Caiado, 45 anos, era conhecido como “Zé Capeta” e cumpria pena de 70 anos de prisão
Por REPÓRTER MT
20/10/2023 às 11h05
| Atualizado em 20/10/2023 às 11h08
2023102011080674be16979710d4c4e7c66478560884569114611374838521067

O detento José Ronaldo Caiado, 45 anos, foi encontrado morto dentro de uma cela no Complexo Penitenciário Ahmenon Lemos Dantas, em Várzea Grande, na noite desta quarta-feira (18). José cumpria pena de 70 anos de prisão pelo homicídio triplamente qualificado da esposa e de dois enteados, a marretadas, em julho de 2013.

Conforme a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) José Ronaldo, conhecido como Zé Capeta, prestou trabalho intramuros e retornou para a cela ao final do dia. O detento cumpria pena em cela isolada e foi encontrado morto por volta das 20h, durante a contagem noturna dos presos. Não há informações sobre a causa da morte.

A Polícia Penal acionou a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e Perícia Técnica (Politec) para investigar as causas do óbito e adotar as providências necessárias.

O crime

O crime aconteceu em 30 de julho de 2013, em Brasilândia, comarca de Chapada dos Guimarães. José matou a companheira Alaíde Maria da Silva a marretadas. Após o crime, ele ainda matou os enteados matou os enteados F.M.S. (14 anos) e W.A.S. (11 anos), para ocultar a morte da companheira com quem vivia há dois meses.

Na época, ele alegou que havia descoberto uma traição da vítima e tramou a morte dela e dos filhos por vingança. Os corpos ficaram na casa e o mau cheiro incomodou os vizinhos. Os policiais encontraram as vítimas já em estado de decomposição.

No julgamento, o Ministério Público pediu a condenação por homicídio qualificado por motivo torpe, meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima, com emprego de violência contra a mulher. As mesmas qualificadoras foram usadas no caso dos filhos da vítima.

Ele foi condenado a 21 anos de prisão pela morte de Alaíde, 21 anos pela morte de F.M.S. e 28 anos pela morte de W.A.S.

Publicidade

Destaques

Polícia
Padrasto é preso em Barra do Garças acusado de abusar sexualmente de enteadas de 6 e 9 anos
Canarana MT, Polícia
Homicídio em Canarana: homem é baleado enquanto mulher estava dentro da residência
Outras Notícias
Avião cai em fazenda de MT e piloto morre preso a destroços
Canarana MT
Prefeitura de Canarana-MT Recebe Prêmio Prefeitura Empreendedora do SEBRAE por Sustentabilidade e Meio Ambiente.
Outras Notícias
Sicoob Primavera recebe prêmio de Destaque nacional pelas ações desenvolvidas com a comunidade
Política
Asfalto na MT-430 vai beneficiar diretamente região do Araguaia, “mas avanços estão acontecendo em todas as regiões”, afirma deputado federal

Publicidade

Notícias Relacionadas

11044248_5f77f66ad0

Destaque

Padrasto é preso em Barra do Garças acusado de abusar sexualmente de enteadas de 6 e 9 anos

12/04/24 12:03
12040947_Screenshot

Destaque

Homicídio em Canarana: homem é baleado enquanto mulher estava dentro da residência

12/04/24 11:25
10045314_Screenshot

Destaque

PF investiga fraudes na aplicação de recursos federais em Barra do Garças

10/04/24 12:07